Planejamento de metas empresariais: como preparar seu negócio para 2024 – Por: Daniella Kirsten é diretora e sócia franqueada das unidades da Febracis Paraná, sediadas em Curitiba, além de Mentora, Coach e Palestrante. Sua atuação no estado já impactou mais de 15 mil pessoas por meio do Coaching Integral Sistêmico. A Febracis está presente em 42 franquias espalhadas pelo Brasil e quatro unidades internacionais. Para ter acesso aos cursos e entender mais sobre a metodologia CIS, acesse o Instagram.

Planejamento de metas empresariais: como preparar seu negócio para 2024 – Por: Daniella Kirsten é diretora e sócia franqueada das unidades da Febracis Paraná, sediadas em Curitiba, além de Mentora, Coach e Palestrante. Sua atuação no estado já impactou mais de 15 mil pessoas por meio do Coaching Integral Sistêmico. A Febracis está presente em 42 franquias espalhadas pelo Brasil e quatro unidades internacionais. Para ter acesso aos cursos e entender mais sobre a metodologia CIS, acesse o Instagram.

Contar com um planejamento anual, com metas e objetivos claros, garante o sucesso dos negócios no longo prazo

O sucesso de qualquer empreendimento passa pela análise minuciosa do mercado e pelo planejamento detalhado e, à medida que o final do ano se aproxima, fica ainda mais próximo o momento de planejar as ações das empresas para 2024.

Para a coach, palestrante e diretora da Febracis Paraná, Daniella Kirsten, a hora de fazer o planejamento para o próximo ano é agora. “Até o final de novembro, o planejamento do próximo ano deve estar pronto. O primeiro passo é definir os objetivos primários que se alinhem à missão, visão e valores da empresa. Eles devem ser amplos e expressar o que a empresa quer no longo prazo. Com essas definições feitas, pode-se passar para a segunda etapa que é a de definição dos objetivos estratégicos, que devem ser mais específicos e detalhados”, explica.

Daniella conta que os objetivos estratégicos devem apoiar as metas e os objetivos primários, oferecendo um roteiro claro para o negócio. “Ao descrever esses objetivos, é importante que eles sejam específicos, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e com prazo definido. Essa organização ajuda a garantir a concretização dos objetivos, que passam a ser mais “palpáveis” e com etapas bem definidas, algo que ajuda a garantir o sucesso do planejamento”, reforça a coach.

Gestão financeira

A gestão financeira é um dos principais pilares do planejamento empresarial, sendo fundamental estabelecer um orçamento sólido para o próximo ano, considerando custos, despesas, receitas e lucros projetados. “Certifique-se de que o orçamento seja realista e leve em conta a evolução do mercado e as tendências econômicas. Além disso, analise as opções de financiamento, investimentos e possíveis parcerias para apoiar o crescimento sustentável da empresa. Também é importante provisionar gastos com inovação e para projetos pilotos, garantindo assim uma “gordura” para novas iniciativas”, afirma Daniella.

Gerenciamento operacional

O gerenciamento operacional é tudo aquilo que envolve a otimização dos processos internos da empresa e ele deve constar no planejamento para o próximo ano, já que esse é um ótimo momento para revisar os processos de negócios e identificar áreas de melhoria. “Faça uma análise da eficiência operacional da empresa, pensando em como ela pode ser aumentada, com custos reduzidos e qualidade aprimorada. Além disso, avalie a necessidade de atualizar os sistemas de gerenciamento e o aparato tecnológico, garantindo que a empresa possa acompanhar as demandas do mercado, melhorar a produtividade e manter a competitividade”, explica a coach.

Metas, planos de ação e mensuração

Após definir os objetivos gerais e específicos, otimizar a gestão financeira e operacional, é hora de estabelecer metas específicas para 2024. Nesse processo, Daniella conta que cada objetivo estratégico deve ser acompanhado de metas que indiquem claramente o que a empresa deseja realizar e em que prazo. “Metas são marcos alcançáveis de um projeto, são tarefas determinadas para que se alcancem os objetivos. Elas tendem a se modificar ao longo do ano e de acordo com o sucesso em atingi-las e não devem ser engessadas e sim serem capazes de acompanhar os possíveis “ajustes de rota” que podem acontecer ao longo do desenvolvimento de um empreendimento”, explica.

Com metas e objetivos organizados, é importante criar um plano de ação para atingi-los, identificando as atividades, recursos e responsabilidades necessárias. “Estabeleça indicadores de desempenho-chave (KPIs) para medir o progresso em direção às metas. Lembre-se de que a escolha dos KPIs certos é uma parte essencial do planejamento empresarial, pois eles servirão como bússola, ajudando a direcionar a empresa em direção às metas estabelecidas. Nesse processo, a mensuração é fundamental. Ela pode ser feita por meio de um sistema de acompanhamento e análise para avaliar regularmente o desempenho das metas e dos KPIs, permitindo que se faça ajustes conforme a necessidade, garantindo o sucesso do seu planejamento”, reforça a coach.

Missão, propósito e valores

O planejamento anual é também um ótimo momento para reavaliar a missão, o propósito e os valores que norteiam a empresa, algo que também pode ser ajustado conforme o crescimento do negócio. “É importante avaliar se a missão da sua empresa está alinhada com seus objetivos e estratégias. Se necessário, ajuste-a para refletir as mudanças no mercado ou a direção que a sua empresa está seguindo. Propósitos e valores também devem ser olhados de perto. Além disso, é importante sempre reforçar esses pontos aos colaboradores e ao mercado, com ações de endomarketing e divulgação, questões que também devem constar no planejamento anual”, finaliza a especialista.

Compartilhar este post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *