Propaganda

Artigos

Google ameaça retirar serviços da Austrália

A Google ameaçou retirar o seu motor de pesquisa da Austrália caso o governo avance com planos para fazer os gigantes da tecnologia pagarem por notícias.

A nova regulação proposta pelo governo irá obrigar a Google e o Facebook a pagarem às empresas de comunicação australianas pela utilização de conteúdos retirados das suas páginas na internet.

“A Austrália faz as regras para o que se pode fazer na Austrália. É o que o parlamento faz, e o governo, e é assim que as coisas funcionam na Austrália. E se quiserem trabalhar assim na Austrália, então tudo bem. Mas não respondemos a ameaças”, reiterou o chefe do governo.

O novo código de conduta obrigatório, faz com que os gigantes da tecnologia paguem por conteúdos retirados de outros ‘sites’.

“Na sua atual forma, o código permanece impraticável. Caso se torne lei, afeta não só a Google mas os pequenos editores, pequenas empresas e os mihões de australianos que utilizam os nossos serviços todos os dias”, afirmou Mel Silva, diretora-executiva da Google para a Austrália e Nova Zelândia.

O acordo tem lugar após meses de negociações sobre como aplicar as novas regras europeias dos direitos de autor que permitem aos editores cobrarem por conteúdos retirados das suas páginas.

A Google rejeitou inicialmente a ideia de pagar por conteúdos afirmando que as plataformas beneficiam do tráfego adicional.

177 visitas
Propaganda

cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail