Propaganda

Artigos

SAP investe R$ 120 milhões na expansão do centro de inovação em São Leopoldo

Instalada no campus da Unisinos (Universidade do Vale do Sinos), em São Leopoldo (RS), iniciativa terá espaço para somar 700 novos profissionais, número que vai permitir ao SAP Labs superar a casa dos 2000 empregos diretos no espaço.

Um dos três parques tecnológicos da SAP na América, junto com as instalações no Vale do Silício (EUA) e em Vancouver (Canadá), o SAP Labs de São Leopoldo, centro de inovação da companhia instalado na no Parque Tecnológico da Unisinos, no Rio Grande do Sul, vai receber nova rodada de investimento de R$ 120 milhões.

SAP anuncia cursos gratuitos sobre empresas inteligentes
Com este investimento a empresa vai duplicar o espaço, chegando a uma capacidade de abrigar mais de 2000 funcionários. A obra está prevista para iniciar em novembro próximo, e deve durar cerca de 18 meses. Esta será a terceira expansão da multinacional alemã desde a inauguração da sede no Rio Grande do Sul, em 2006. Em 2009 e 2013, a SAP concluiu em duas partes um projeto para a construção de sua estrutura atual, investimento que na época totalizou R$ 100 milhões.

Com capacidade para 700 funcionários, o novo local terá 7,5 mil m², que representará um crescimento de 45% em espaço físico da empresa. Hoje, a SAP Labs opera em um prédio com 17 mil m², referência em sustentabilidade, sendo 100% de fonte renovável, com mecanismos para reutilização de água, consumo inteligente de energia e destinação correta de resíduos. A previsão é de que o novo espaço seja construído nos mesmos moldes e obtenha a LEED nível Gold/NC, certificação líder utilizada em mais de 160 países para edifícios comprometidos com a sustentabilidade.

Expansão contínua com aposta em inovação

Em 2018, a SAP Labs completou 12 anos de operação na América Latina com uma trajetória de crescimento contínuo. A empresa iniciou as atividades com um grupo de 20 profissionais em 2006 e hoje conta com mais de 1.000 colaboradores.

O presidente da SAP Labs, Dennison John (foto), projeta que cerca de 1.000 novas contratações devem ocorrer até 2022, dobrando a capacidade atual da empresa. Entre 2016 e 2017, a contratação de novos profissionais cresceu 30%.

Ele aponta o segredo para esse crescimento, mesmo diante da crise econômica da região. “Uma série de fatores explicam, mas tenho certeza que o principal motivo é a aposta em inovação. Buscamos solucionar problemas enfrentados por nossos clientes através da transformação digital. Para isso, é preciso todo um contexto que inclui investimento em pesquisa, mas também o incentivo e a captação de profissionais com pensamento disruptivo”, explica.

O laboratório da SAP na América Latina é parte da rede de 20 laboratórios no mundo que oferecem desenvolvimento, suporte e localização de soluções para as necessidades específicas dos clientes de cada país, de acordo com leis e marcos regulatórios, exigências fiscais, entre outros aspectos.

Os serviços fornecidos incluem ainda inovações, como soluções de mobilidade e soluções para análise de grandes volumes de dados com o SAP HANA. A equipe de suporte especializada da SAP Labs Latin America garante aos clientes da região a capacidade de gerir os seus negócios de forma eficiente, com suporte a qualquer hora, todos os dias da semana e em diferentes idiomas.

Em 2017, a unidade de São Leopoldo foi selecionada para ser uma das quatro sedes mundiais a receber o SAP Leonardo Center, área global destinada a desenvolver soluções voltadas à digitalização e inovação, utilizando tecnologias como Internet das Coisas (IoT), Machine Learning, Analytics, Big Data, Blockchain, Cloud e Data Inteligence. As outras sedes estão em Paris, Nova York e Bangalore.

No quadro de colaboradores, a empresa possui mais de 80% dos profissionais das gerações Y e Z. A faixa etária média dos colaboradores é de 30 anos, sendo que 32% possuem MBA, mestrado ou doutorado. O índice de satisfação dos funcionários chega a 92%, o maior entre os SAP Labs no mundo.

27 visitas
Propaganda

cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail