Propaganda

Artigos

Devo aceitar trabalho temporário ou por projeto? Por – Fernanda Andrade é Gerente de Hunting e Outplacement da NVH – Human Intelligence.

Muitos profissionais tendem a se perguntar se vale a pena aceitar um trabalho temporário ou por projeto. Alguns ainda acreditam que isso pode prejudicar sua carreira ou mesmo tirá-lo de seu foco principal. Mas, isso não passa de um grande equívoco. Aceitar esse tipo de proposta pode ser muito promissor, desde que o profissional saiba aproveitar bem as oportunidades que surgirem.

Várias empresas abrem vagas temporárias para cobrir férias, licenças ou afastamentos de seus colaboradores. Ao encarar um desafio desses, o profissional ganha a oportunidade de aprender e demonstrar seu potencial. Com um bom desempenho, é grande a chance de surgir um convite para continuar na empresa.

O ganho com a ampliação da rede de contatos também é enorme. Ao circular em novos ambientes, o profissional aumenta sua visibilidade, podendo se tornar alvo de novas propostas temporárias ou mesmo efetivas. Se não for dentro da própria empresa, pode ser até mesmo em um cliente, parceiro ou fornecedor. Quando se está na ativa, marcando presença, a chance de ser visto e lembrado é muito maior.

Com a nova legislação trabalhista, outro formato de trabalho que vem ganhando destaque é o por projeto. Profissionais de vários segmentos estão sendo convidados a atuarem especificamente em uma demanda da empresa, por um curto período de tempo. Normalmente, é para atender a um trabalho pontual, que tem começo, meio e fim, dispensando a necessidade de a empresa manter um quadro fixo de colaboradores.

Muitas vezes, alguns profissionais que vivem a experiência do trabalho por projeto acabam se identificando com o formato e continuam em busca de novas oportunidades no mesmo perfil. Embora traga menos segurança financeira e estabilidade profissional, muitos apreciam atuar de uma ponta à outra em um trabalho específico. Assim, alguns acabam até se tornando consultores independentes, atuando exclusivamente em projetos.

Para encontrar esse tipo de oportunidade, em ambos os casos, é muito importante que o profissional ative sua rede de networking. Tanto para trabalho temporário quanto para projetos, também é possível encontrar vagas em vários canais de comunicação. Portanto, é preciso circular e fazer as pessoas saberem que tipo de oportunidade você está buscando. Uma longa jornada se faz com um passo de cada vez.
Fernanda Andrade é Gerente de Hunting e Outplacement da NVH – Human Intelligence.

Sobre a Human Intelligence:

www.nvhhuman.com.br/ 11 4858 3965

A Human Intelligence é uma das unidades de negócios do Grupo Nova Visão Humana (NVH). A empresa se foca no hunting para preencher vagas de média gerência e de diretoria. Oferece ainda serviços de outplacement, coaching e assessment, fazendo avaliação de competências, mapeamento de mercado e projetos de pós-carreira. Os serviços atendem empresas e profissionais de forma personalizada, direcionando o profissional certo para cada oportunidade.

27 visitas
Propaganda

cool good eh love2 cute confused notgood numb disgusting fail